A Toshiba Corporation anunciou o lançamento da sua nova família de processadores TZ1001MBG para aplicações em dispositivos pessoais, expandindo a família ApP Lite da marca, com soluções que, num só chip, integram suporte de sensores, processamento de dados e transmissão sem fios.
 
O mercado está a assistir a uma verdadeira explosão por serviços que monitorizam os níveis de actividade e as suas durações, ferramentas que ajudam a prevenir doenças resultantes de estilos de vida, promovem o exercício e ajudam a melhorar hábitos nutricionais. Mas este interesse gerado no mercado depende de uma nova geração de dispositivos pessoais que podemos usar e transportar connosco a todo o momento e dos quais dependem esses serviços, sejam eles implementados em relógios, pulseiras, roupa ou qualquer tipo de acessório pessoal.
 
Os novos processadores para este tipo de aplicações da Toshiba, combinam no mesmo encapsulamento miniaturizado todas as funções que esses dispositivos “wearables” podem precisar, tal como um acelerómetro para medir movimentos, um processador para lidar com todos os dados gerados pelos sensores, memória flash para armazenar os dados e um controlador Bluetooth Low Energy que suporta comunicações mais eficientes e de baixo consumo. Desta forma, os fabricantes podem desenhar novas aplicações com dimensões ainda mais reduzidas, contribuindo para tornar esses dispositivos pessoais mais atraentes e robustos.
 
Os novos processadores da Toshiba oferecem um desenho original de consumo reduzido, permitindo a sua aplicação com dispositivos que necessitam de uma autonomia alargada, comparativamente àquilo que estava disponível no mercado até agora.
 
Além disso, a Toshiba expandiu igualmente a sua gama de processadores da série TZ1000 para desenvolver os novos TZ1011MBG, agora com um giroscópio e um magnetómetro.
 
Toda esta nova geração de sistemas integrados fornecem assim as funcionalidades necessárias para a criação de sistemas simples e práticos de usar, permitindo ainda a ligação a todo o tipo de sensores externos.
 
Todos estes chips integram conversores ADC de alta resolução para o suporte dos sensores adicionais e usam um processador ARM Cortex-M4F embebido, com DSP e processamento de vírgula flutuante para suportar a combinação de dados de múltiplos sensores, internos e externos e melhorar a precisão.
 
As amostras começam a ser disponibilizadas em Maio e a produção em quantidade está prevista para Setembro de 2014.
 
  > Ver mais informações sobre estes novos produtos da Toshiba